É possível ver os produtos do aborto (placenta, embrião, sangue) e como deve descartá-los?

 

Na maioria das vezes, a mulher consegue ver sangue e tecidos no penso higiénico (absorvente) ou na sanita (vaso sanitário). O embrião (muito pequeno) geralmente passa por entre este sangue e tecidos, de tal modo que passa despercebido. No entanto é possível que veja o embrião. Dependendo da duração da gravidez, pode, ou não, ser visto um pequeno saco embrionário com algum tecido em redor. Por exemplo, se fôr uma gravidez de apenas cinco a seis semanas, o saco não será visível. Às nove semanas, provavelmente encontrará um saco no sangue e é possível que consiga ver o embrião. Numa gravidez de 8 ou 9 semanas, o embrião tem cerca de 2,5 cm. Isto pode ser perturbador. O melhor a fazer é descarregar o autoclismo e embrulhar os pensos higiénicos num saco de plástico e joga-los fora.

Mais informação:

Às 6 ou 7 semanas de gestação, o embrião mede aproximadamente 6,25 a 12,5/13 milímetros e, às 9 semanas, mede cerca de 25 milímetros. Frequentemente, o embrião expelido durante um aborto medicinal não é explicitamente visível porque sai com outros tecidos embrionários e sangue.17
Médicos na Escócia organizaram um estudo no qual várias mulheres realizaram o aborto medicinal em casa. Um dos investigadores, o Dr. Gillian Penney da Universidade de Aberdeen, afirmou, “Fiquei muito surpreendido com o nível de aceitabilidade do aborto em casa entre as mulheres. Pensei que fosse assustador para as mulheres e que elas quisessem estar com a equipe necessária que lhes pudesse dar apoio e confiança durante o procedimento. Mas as mulheres que passaram por esta experiência sentiram realmente que era algo com o qual elas eram capazes de lidar. Muitas preferiam poder escolher as pessoas que teriam como companhia, e terem a possibilidade de usar a sua própria casa de banho.46