Emi

Compartilhe a sua história

Fiz um aborto porque adoro crianças e acredito que só podemos deixar um pedacinho de nós se tornar uma pessoa quando queremos MUITO. Tenho três lindos filhos, uma situação econômica estável e uma pessoa querida ao meu lado, mas não posso mais ser uma boa mãe para mais uma pessoa. Ajudar um ser humano a crescer é uma tarefa maravilhosa porém MUITO difícil e de GRANDE responsabilidade, mãe é pra vida toda (pai nem sempre) e pra todos os momentos (principalmente para os piores), portanto temos que estar preparadas e querer muito. Tenho vergonha de viver num país onde uma escolha que deve ser pessoal, racional e consciente é proibida. Tenho vergonha de não poder mostrar quem sou por ocupar um cargo de responsabilidade e poder ser demitida por minhas posições pessoais. Infelizmente tenho responsabilidades com meus filhotes e não posso dar mais a vocês do que esse sincero depoimento.

2008 Brasil (nascido em Brazil)

Quais foram seus sentimentos em relação ao aborto(s)?

Uma dica para encontrar o remédio é buscar a zona do meretrício da cidade, porque infelizmente as mulheres que trabalham com prostituição são obrigadas a viver numa ilegalidade dupla. Para ter uma idéia, paguei 210 reais por quatro comprimidos. Outra dica: para fazer um ultrassom transvaginal, para saber se a gravidez está no útero, é só ir num centro de diagnósticos que faz ultrassom e pagar, custa entre 60 e 80 reais. Se perguntarem se você está grávida, confirme sem medo, afinal ninguém tem nada a ver com isso.

Como fez o aborto?

Tive que tomar duas doses de quatro cytotecs: Na primeira vez coloquei um próximo do colo do útero e três sublinguais, tive hipotermia e depois uma sensação parecida com um parto (parece vontade de fazer coco) e fui ao banheiro onde expeli alguns coágulos grandes e tomei dois buscopans compostos e dormi como um anjo. Mas no dia seguinte não sangrei mais. Na segunda vez, foram dois no útero e dois sublinguais, pouca dor, algum sangramento e no dia seguinte quase nada. OBS: estava com 5 semanas de gravidez.

Como era a sua situação nessa altura?

Quem precisa ou pensa em um aborto deve ser bastante racional. Pense que em última instância a responsabilidade pelo filho é só da mãe, a família, o companheiro, podem até ajudar, mas é apenas AJUDA. Quem vai criar, largar a carreira, deixar de trabalhar ou estudar, quem vai ter que apoiar e amar incondicionalmente é a MÃE da criança, assim, a mulher não deve contar com ninguém para criar seu filho. Por isso é importante refletir sobre a escolha e estar com a consciência tranquila.

A ilegalidade de seu aborto afetou seus sentimentos?

Tive vergonha de viver num país onde uma escolha que deveria ser PESSOAL, RACIONAL e CONSCIENTE é proibida. Pelo lado prático foi chato porque meu companheiro, que foi muito companheiro mesmo, teve que comprar os remédios ilegalmente. É natural que a gente se sinta entrando no "mundo do crime", mas quem mandou não cuidar antes de acontecer?! :)

Como as outras pessoas reagiram ao seu aborto?

As poucas pessoas que souberam são amigas extremamente esclarecidas que também são mães. Elas me conhecem e sabem quanto adoro meus filhos e como gosto dos humanos em geral. Sou uma pessoa bastante racional e tranquila portanto, acho que minha decisão foi vista como algo natural, sem grandes traumas.

lega/ilegal

Tem filhos?

Qual é a sua religião?

mary cry

pior momento de minha vida

a.

Początek był raczej standardowy - spóźnił mi się okres, zrobiłam test ciążowy

Keh Oliver

e não me arrenpendo.

Liz Hoffman

Passando pra deixar meu relato, pois sei que vai ajudar muitas mulheres que…

Ths SOUZA

Bom , inicialmente eu e meu namorado que é americano mantemos uma relação a…

Grace Grace

Y no existe arrepentimiento.

Renata

Calma, eu sei seu desespero. VAI DAR TUDO CERTO! #FORÇA

Cristina

Primeira mente, quero agradecer vcs que deixaram seus depoimentos, pois isso…

jennelyn

I had an abortion

Kiara

Lo hice por amor al bebé, no me merecía como mamá.

Rike

It was a birthday

Jess

I was let down by birth control and had two abortions. During my second…

Adriana

Myślałam, że będzie gorzej, na szczęście cały czas była ze mną moja druga…

Katarzyna

Nie mogłam mieć dziecka z kilku powodów: jeszcze się uczę, chłopak w ogóle nie…

Gemma

The best decision for me.

Alejandra

Tomé una desición

Yvonne

My abortion was what needed to be done at that time. Deep down me I know I…