Amanda C.

Condividi la tua storia

Bom, vou contar minha historia detalhada, acho que vai ajudar muito outras meninas que estão passando pelo mesmo desespero que eu , e que se esse site me encorajou muita na minha decisão. Fiz um aborto ontem ( dia 23/04/2016). Tenho 23 anos, estou no meu segundo casamento e nao tenho nunhum filho. Estou a três anos com o meu marido e ele tem vasectomia a três anos ( pois ele já tem 4 filhos de outras mulheres), então a gente sempre transava sem preocupação. Minha menstruação nunca foi regulada, mais eu sabia que sempre descia no inicio do mês entre dia 3 e dia 8. Chegou dia 12 desse mês (abril) e minha menstruação não tinha descido. Fiquei preocupada porque não estava me sentindo bem, estava acontecendo coisas no meu corpo que eu nunca tinha sentido. Pressão alta, enjôos , vontade de fazer xixi a todo momento, fora o corrimento marrom que descia de vez enquando pra mim. Eu não queria acreditar que estava gravida, pois não seria possível, já estávamos a 3 anos juntos e nunca tinha acontecido, mais mesmo assim resolvi pesquisar. Joguei todos os meus sintomas no google, e apareceu GRAVIDEZ. fiquei desesperada, chorei, corri na farmácia e fiz o teste de gravidez, e deu positivo. Chorei muito, desespero tomou conta de mim, meu marido sabia que mesmo com vasectomia ele sabia que o filho era dele, pois a gente nunca se desgruda, e ele não pensou em uma possível traição. No dia seguinte fiz o exame de sangue e veio a temida confirmação: positivo, 5 semanas. Desde então não consegui mais dormi direito, e pior os enjôos estavam piorando , não conseguia comer direito , vomitava direto, foi horrível. Meu marido falou pra mim tirar , porque não queria mais filho pois já tinha 4 e não queria mais. Respeitei a decisão dele, pois não quero futuramente ser mãe solteira , porque saberia o quanto seria difícil pois minha familia não tem condições nenhuma, minha mãe é solteira tem 5 filhos, e vi o sofrimento dela para criar todos, eu sou a mais velha e ajudei a cuidar de todos. Fora a minha irmã de 17 anos que estava gravida quase ganhando e minha mãe vai ter que ajudar a criar, pois minha irmã é de menor e não trabalha. Meu pai não posso contar, ele nunca foi próximo a nos, ele só pagava pensão e achava que isso já era o papel de pai dele. Pensando em tudo isso, resolvi que não iria ter o filho. Descobri que estava grávida numa quarta feira meu marido falou pra mim esperar ate na sexta-feira da outra semana pra os remédios(cytotec) chegar porque ele tinha incomendado de um amigo. Ate chegar sexta feira pra mim foi só sofrimento. Dia que não chegava nunca! Não aguentava mais passar mal, queria minha paz e minha vida normal de volta! Enquanto o dia não chegava fui lendo os depoimentos das mulheres que já haviam tomado cytotec , li muito , pois sou muito medrosa pra tudo. Fiquei bem tranquila lendo os depoimentos. Então chegou o tão esperado dia a sexta feira! Fui buscar os remédios , comprei 4 paguei 800 reias. Meu marido falou pra mim tomar a noite, então a tarde comecei o jejum, chegou a noite tomei banho dobrei meu joelho orei a Deus e pedi perdão pelo que eu iria fazer, deitei, as 23:30 do dia 22 de abril , introduzi 2 pela vagina e dois sublingual. Minha sorte que o remédio não tinha gosto, pois estava enjoada e minutos antes tinha vomitado um monte. Passando-se meia hora comecei a tremer muito, começou a me dar febre e muito frio meu marido já estava preocupado. Ate que peguei no sono. Chegou as 2 da manhã acordei com uma cólica o insuportável , acordei gritando de dor , meu marido acordou preocupado, sempre do meu lado me cuidando, meu Deus que dor horrível! Corri pro banheiro fazer xixi e nada de sangue. Tomei um dorflex, mais não adiantou muito , durou apenas 15 min , aonde nesse tempo dormi , e logo já acordei gritando de dor novamente! Eu pedia pra Deus pra aquela madrugada terminar logo. Pensava comigo : Não desejo essa dor nem pro meu pior inimigo! Passei o resto da madrugada agonizando de dor, mais quietinha , pois meu marido não conseguia dormir por minha causa e sabia que ele tinha que acordar cedo, pois teria que ir trabalhar. As dores iam e vinham a todo momento , contrações que dizem que é parecido com a de parto. Olhei pra janela e já estava amanhecendo e eu disse graças a Deus logo essa dor deve acabar! Fui novamente ao banheiro fazer xixi, desceu um monte de sangue , me senti aliviada e com medo ao mesmo tempo. Vomitei o resto de dorflex que estava no meu estomago e tive uma leve diarreia. O dia amanheceu as dores continuavam fortes, meu marido levantou pra ir trabalhar me deu um ibuflex pra mim tomar e saiu, falou pra mim tentar dormir e que qualquer emergência era pra mim ligar pra ele. Consegui dormir , acordei as 10:30 com dores novamente mais não tão agudas quanto as dores da madrugada. Fui ao banheiro e desceu umas postas de sangue, tive bem pouco sangramento, só sangrava quando ia ao banheiro fazer xixi. Chegou 12:00 minhas dores ainda continuavam, fui ao banheiro novamente e desceu uma bola de sangue grande , não vi direito desceu muito rápido não consegui ver pois o vaso estava cheio de sangue. Então minha cólica aliviou. Almocei normalmente, tudo o que meu marido me oferecia eu conseguia comer me senti muito feliz por isso! A noite jantei duas vezes, nossa pra mim foi gratificante! Hoje ( dia 24 ) acordei , tomei café normalmente , e estou ótima , sinto cólicas bem fracas e só Sangro quando vou fazer xixi, desce bem pouquinho sangue. Estou crente que não estou mais gravida, a mulher sabe ! Daqui 7 dias vou fazer uma ultrassom pra ver se esta tudo bem. Não me arrependo de nada, pois não queria colocar filho no mundo pra sofrer. Sou dona de mim, e faço o que bem entender.Ninguém sabe alem de mim e meu marido e uma melhor amiga. Quero desejar boa sorte a todas as mulheres que necessitam fazer o aborto.

Brazil

What were your feelings about doing the abortion/s?

How did you do the abortion?

What was your situation at this time?

legal/illegal

What is your religion?