Naii C

Ossza meg velünk történetét

Era apenas uma menina de 16 anos, não usava anticoncepcional mantinha relação sexual com uma rapaz de 25 anos, ele não queria usar camisinha. Um certo dia ele teve uma conversa comigo que eu deveria usar algum anticoncepcional, porém não tinha coragem de contar á minha mãe que não era mais virgem, tinha medo de como ela iria me ver, que talvez ela não fosse mais gostar de mim.

Como muitos dizem que não engravidava fácil, achei que não iria acontecer comigo. Então em um belo dia minha menstruação não desceu, ai eu falei para minha mãe, - minha menstruação não veio. Ai minha mãe falou: - vamos ao ginecologista ver o que está acontecendo. - Você ainda é virgem ?
Então responde: - Sou.
Ela resolveu me levar, no caminho fiquei pensando na decepção que para ela seria saber pela ginecologista então disse.
Tenho uma coisa para te dizer. -Não sou mais virgem. Ela parou e pensou e falou. - Você me fez vim até aqui porque não falou antes, vamos comprar um teste de gravidez. Ai retruquei. - Gravida não estou.
Ela olhou para mim e falou. - Isso que veremos .

Fui para casa e minha mãe foi trabalhar, quando chegou em casa ela me deu o teste e disse - que quando amanhecesse sem meu padastro ver era para eu fazer o teste. Então fiz e fui contar quando ela me olhou falou positivo. Comecei a chorar sem parar.

Minha mãe me olhou e falou não adianta chorar agora. = O que você vai fazer agora? quem é o pai?

Eu responde: Não quero ter esse bebê não tem pai.

Eu estava chateada com o pai do meu filho, porque uma menina tinha me dito que ele me traia, eu não queria mais nada com ele por isso. Quando me encontrei com ele, disse que estava grávida, ele pediu para que eu ficasse com ele, se ajoelhou em meus pés e pediu para que eu pudesse ficar com ele. Mais ele já tinha um filho e não cuidava dele, eu nunca tinha conhecido os pais dele, como ter um filho assim?
Já tinha minha decisão formada, pedi para minha me ajuda, ela me deu o dinheiro me disse onde tinha. Fui comprei e coloquei, tomei também um chá para limpar.

Passou-se uma semana e o sangramento não parava, sentia muitas dores ai minha mãe me levou no medico, chegando no medico precisava de uma transvaginal, foi 3 dias nessa luta, de hospital em hospital, até que eu consegui uma vaga no hospital Tisíla Balbino onde fiz a curetagem, fiquei internada,fui para casa, tudo isso aconteceu nos dias próximo ao meu aniversário, e eu não me dei conta passei meu aniversário internada no hospital dia 31/05/2009. Tudo deu certo já tinha sido resolvido posso dizer que foi o meu presente. Hoje posso dizer que valeu apena.

2009 Brazil

What were your feelings about doing the abortion/s?

Veja hoje em dia que essa foi a melhor escolha que fiz. Penso que egoísta é a atitude de ter um filho sem condições, é submeter uma criança a passar por necessidades. Esse assunto tem que ser revisto, não no ponto de vista de mãe, mais sim dos filhos.

How did you do the abortion?

No primeiro momento foi triste, sofrido, passei por complicações necessitei fazer curetagem.

What was your situation at this time?

Não esta preparada para ter um filho, não ter um estrutura integral para esse criança.

Did the illegality of your abortion affect your feelings?

Não.

How did other people react to your abortion?

Muitas criticam o ato do aborto. Não sou muito de comentar sobre esse fato. Aqui me sentir livre para fazer isso.

legal/illegal

What is your religion?