Fernanda

Share your story

Descobri que estava grávida no dia do meu aniversário, na época, sem nenhum dinheiro, nenhum suporte familiar, muito medo, minha condição mental estava absolutamente instável, suicida, assustada.
Quando tive a notícia, meu marido que estava comigo ficou muito feliz e esperançoso, eu fiquei desesperada.
Eu achava que estava grávida, mas a confirmação me deixou em pânico.
Fiquei entre "estou com uma pessoa que eu amo e que vai amar esse bebê" e lembrar que tanto eu quanto ele temos depressão crônica, ambos tentamos suicídio mais de uma vez, ambos desesperados, sem tratamento adequado pra cabeça, sem um centavo, dependendo da caridade de quem não concordava que deveríamos estar juntos....
Enfim, por vezes eu e meu marido passavámos a semana inteira sem uma refeição normal, arroz, feijão...
Mas eu sou muito forte e meu bebezinho estava crescendo forte também, o que me dava extremo medo.
Pesquisei muitos métodos, medicamentos por aqui, mas muitas histórias de pessoas que compravam medicação, às vezes, pagavam 100 reais, 200 reais por comprimido e quando chegava era falso.
Clínicas chegavam a custar 5 mil reais, os comprimidos, com indicação, o mais barato que vi era 1.500 reais.
Às vezes a gente não tinha dinheiro pra ração do gato.
Eis que, graças ao trabalho excepcional das mulheres maravilhosas do Women on Web, tive acesso a receita do remédio, pedi para uma amiga que mora em Paris comprar pra mim, em 30 comprimidos ela pagou 8 euros, ela que pagou a receita pra mim também e ainda arranjou uma moça pra trazer o remédio pra mim aqui no Brasil (mulheres unidas são fortes demais).
Porém, tinha um pequeno problema, como é totalmente ilegal aqui no Brasil, eu tinha que esperar a moça vir, minha amiga disfarçou a embalagem do remédio e a amiga dela me trouxe, sem problemas aí, graças as deusas, mas já haviam passado mais de 2 meses desde a descoberta.
E esses dois meses foram um inferno.
Eu sabia que meu marido, por ele, queria o bebê, mas tinha certeza absoluta que isso não era o melhor pra gente naquele momento.
E fiquei dois meses com o bebê crescendo e eu decidida a não tê-lo.
Enfim, quando os comprimidos chegaram foi um grande alívio, muito grande mesmo.
Tomei 10 (o número indicado pra quantidade de semanas em que me encontrava) e esperei. Por incrível que pareça, tomar os comprimidos foi muito desconfortável, eles eram gigantes e tinha que ficar com os mesmos debaixo da língua até dissolver, queimava, doía muito.
E esperei, esperei, esperei e nada, nada aconteceu.
Lembrando que minha situação foi específica, por conta das leis antiabortistas no Brasil, eu tive que esperar um tempo, então o aborto além de mais difícil era mais demorado também, mas eu estava muito ansiosa e preocupada de não dar certo e de fato nos primeiros 10 comprimidos nada aconteceu, esperei alguns dias e tomei mais 10 comprimidos, de novo, nada.
A cartela que ela me enviou veio com 30 comprimidos e foi no trigésimo que de fato o aborto começou.
Comecei a sentir muita dor no meio da madrugada, corri pro banheiro, o sangue começou a sair e eu fui tentar ajudar a puxar com a mão, tive que chamar meu marido que me ajudou, caiu placenta, um monte de sangue...
Fiquei bem mais tranquila, aliviada.
Depois disso passei muitos muitos dias muito menstruada.
Em dois meses meu ciclo havia normalizado.

2018 Brazil

What were your feelings about doing the abortion/s?

How did you do the abortion?

Foi boa e eficaz

What was your situation at this time?

Medo de não ser uma boa mãe, situação política do país em que vivo, não ter nenhum suporte

Het die onwettigheid van u aborsie u gevoelens beïnvloed?

Muito

Hoe het ander mense op u aborsie gereageer?

Falei para todo mundo, menos meu marido, que o aborto foi expontâneo, com medo das pessoas me denunciarem.

legal/illegal

What is your religion?

Na

Pois tenho direito de escolher o que é melhor pra mim! O importante é não se…

Anyel. Mtz.

Esto marcó mi vida, pero agradezco a Dios por esta segunda oportunidad

Cela B

Você precisa fazer uma auto avaliação e ver o que é melhor pra você. Não…

Delia

I had an abortion and it changed my life, for better and for worse.

Costa

No dia 10 de março era o dia da minha ovulação , acabei fazendo sexo sem…

Alexa

Ojala alguna vez me perdones... pero fue. La mejor decisión..

Bi

Lembro que quando minha menstruação atrasou no primeiro dia eu já senti que…

Manuella Silva

Grávida aos 18.


Olá. Vim contar pra voces minha experiencia com aborto.
Eu ficava…

E. Souza

Espero que ajude outras mulheres, pois assim como eu, no desespero, procurei…

Warrior

Sinceramente eu não imaginei que passaria por isso esse ano. Mas sabia que um…

A.

Pomimo zastosowanej antykoncepcji, zaszłam w ciążę. Brałam tabletki.

Kristina Brandon

‪#‎StandWithPP‬ I never wanted kids. I got pregnant in college when I was 17.

carmilla

J'ai avorté quand j'avais 18 ans. Je ne le regrette pas, je suis fière d'avoir…

Anonimowa

Dwie kreski...Te dwie czerwone kreski na białym papierku były jak kubeł zimnej…

Freedom77

I was lucky enough to be able to have an NHS surgical termination at 8 weeks.

Joice

Já é difícil criar 2 filhos, não conseguiria lidar com um terceiro..

Yasmin Lara

Bom,eu encontrei vários relatos e quis deixar o meu bom eu tenho só 17 anos e…

Gabriela

Você não está sozinha!